Cemei Dr. Roberto Telles Sampaio

Quem é Quem: Cemei Dr. Roberto Telles Sampaio

12193792_939796716057957_2082283521113905686_n

Centro Municipal de Educação Infantil Dr. Roberto Telles Sampaio

Fundação

A unidade escolar foi inaugurada em dezembro de 1982, mas começou efetivamente a funcionar com alunos em 1 de Agosto de 1983. Entretanto, a Portaria autorizando o funcionamento foi assinada em 21/7/94, com base no disposto nas Deliberações CEE 26/86,11/87 e 3/92, divulgada em Diário Oficial Estadual em 29/07/94.

História da entidade 

A creche foi uma conquista de quatro anos de luta, conforme relatou sua primeira Administradora, Valdelícia. Foram os Conselhos dos Bairros Jardim Santa Mônica e Jardim São Marcos que conseguiram a abertura da creche, devido a grande quantidade de crianças na região.

No início as creches eram consideradas entidades de atendimento sócio assistenciais, por isso o CEMEI Dr. Roberto Telles Sampaio era da responsabilidade da Secretaria de Promoção Social da prefeitura Municipal de Campinas. Foi só em 1991 que a entidade passou a pertencer a Secretaria de Municipal de Educação.

Na inauguração a creche atendia a 180 alunos, de 0 a 6 anos, e funcionava de segunda-feira a sábado das 7h ás 19h, sendo que todas as crianças ficavam o período integral na escola. No ano de 1992 a creche passou a atender de 2ª a 6ª feira das 7 às 18h, mas foi só no ano de 1994 que teve autorização de funcionamento publicada no Diário Oficial do Estado. O motivo para esta demora ninguém soube explicar.

A demanda por vagas em escolas de educação infantil no bairro Jardim São Marcos continuou crescendo e, em 2002, a saída encontrada foi alugar uma casa na entrada do bairro, na Rua Dr. Luiz Aristeu Nucci. Apesar da abertura da Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI), a comunidade continuou lutando por outra unidade, com a ajuda da administradora Valdelícia e da então Orientadora Maria José. Com isso, em 2007, a prefeitura compra um terreno na rua 19 do bairro para a construção de mais uma unidade educacional, mas que até hoje não saiu do papel e o terreno está sendo usado como depósito de carro velho.

No ano de 2004, por seis meses, a creche utilizou as dependências da EMEI Maria Célia, no Jardim São Martin, para que seu prédio pudesse ser reformado e ampliado. Já em 2012 a casa alugada na entrada do bairro foi devolvida, pois atendia 120 crianças, todas do Ag III, em condições bastante precárias.  No ano de 2015 houve a inauguração da Nave mãe no bairro Vila Esperança, vizinha ao bairro São Marcos, e embora a localização seja distante para os moradores do bairro, houve a redução da lista de espera, tendo em conta ainda as entidades sócio-assistenciais que funcionam na região e, conveniadas com a secretaria municipal de educação, oferecem o atendimento da educação infantil, mas ainda há diversas famílias aguardando uma vaga neste estabelecimento.

Descrição de todas as atividades oferecidas

A instituição pública voltada à primeira infância, que vai de alguns meses até os cinco anos, é um espaço coletivo de educação e cuidado, com capacidade para 284 crianças. Neste espaço as crianças menores ficam no período integral e as crianças a partir de quatro anos são atendidas no período parcial.

Nas salas, refeitórios e parques as crianças convivem entre si e com adultos, que estão lá para promover vivências contextualizadas e com sentido, incentivando a comunicação nas rodas de conversas, mediando conflitos, incentivando a curiosidade natural das crianças nos projetos das turmas, favorecendo as brincadeiras nos parques e com os brinquedos das salas, introduzindo-as no mundo letrado, dentro das condições de cada faixa etária, cantando músicas, contando histórias, lendo livros, construindo textos coletivos, entre outros processos, que favorecem o lúdico, a imaginação, o desenvolvimento físico e a aprendizagem. A aprendizagem é avaliada trimestralmente em relatórios descritivos, que buscam olhar cada criança e as atividades desenvolvidas nas turmas, para então planejar novas ações a serem promovidas.

Além disso, acompanha-se a higienização das crianças, desde a troca de fraldas ao ensino do uso dos banheiros e lavagem das mãos; são preparadas diversas refeições, conforme a faixa etária, por cozinheiras que seguem um cardápio balanceado por nutricionistas, e as educadoras, com o auxílio das cozinheiras, servem e incentivam a alimentação; e se busca dentro do possível a aproximação, tão necessária nesta primeira infância, das famílias, que são comunicadas quando há qualquer ocorrência que foge a rotina da instituição, buscando a parceria entre ela e a escola.

Faixa etária, horários e dias

Os agrupamentos (salas multietárias), de acordo com a resolução nº11/2016 de 02/09/2016, são organizados de acordo com as seguintes faixas etárias:

AGRUPAMENTO I – Integral – CRIANÇAS NASCIDAS EM 01/07/2015 A 31/12/2017

AGRUPAMENTO II – Integral – CRIANÇAS NASCIDAS A PARTIR DE 01/11/2013 A 30/06/2015

AGRUPAMENTO III – Parcial – CRIANÇAS NASCIDAS A PARTIR DE 01/04/2011 A 31/10/2013

Funciona de segunda a sexta feira nos seguintes horários:

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO:
MANHÃ: 07h15 às 11h15min
TARDE: 13h05 às 17h05min
INTEGRAL: 07h00 às 18h00min

Quantidade atendida
São seis salas no período parcial, sendo três de manhã e três à tarde, com uma professora por turma, com capacidade para atender 160 crianças acima de quatro anos (agrupamento 03). Nas turmas de período integral são duas salas com a capacidade para 48 bebês no total, e três salas com a capacidade para atender 76 crianças de um ano e meio a três anos. Em cada uma das salas dos bebês (Agrupamento 01) há uma equipe formada por três educadores por período, sendo que no período da manhã há uma professora. Nas demais turmas do período integral (Agrupamento 02) há dois educadores por período e a professora no período da manhã. A professora é a responsável pelo trabalho pedagógico da turma e avaliação das crianças, mas trabalha e precisa dos demais educadores para realizar seu trabalho.

Texto de Ivan J. Kochem, Diretor Educacional

eliana-moreira-gabriel-lia-e-marili
Lia é a representante da Cemei na nossa rede

XI Abraço Educativo Social da Região dos Amarais

Em 2009 foi realizado o nosso XI Abraço Educativo Social da Região dos Amarais no espaço da Cemei e foi mais uma grande dia. Tema foi: “Gravidez, Adolescência e Família”.

cemei2
Frente da Cemei (imagens google maps)

Cemei Dr. Roberto Telles Sampaio – Campinas,SP

Rua Filinto de Almeida, 514 – Jardim São Marcos, Campinas

 

(19) 3281-3292

Facebook: Cemei Dr. Roberto Telles Sampaio

Jornal do Roberto

cemeim3cemei

A entidade também conta com um instrumento de divulgação do trabalho pedagógico desenvolvido, chamado Jornal do Roberto, você pode acessar na integra o jornal acessando o link abaixo da imagem

jr
Jornal_1ºsem_2017 (2)

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s